Clássicos e Ícones,  Sugestões de Leitura

Albert Camus

Albert Camus nasceu em Mondovi, na Argélia, a 7 de novembro de 1913. Licenciado em Filosofia, participou na Resistência francesa durante a Segunda Guerra Mundial e foi então um dos fundadores do jornal de esquerda Combat. Em 1957 foi consagrado com o Prémio Nobel da Literatura pelo conjunto de uma obra que o afirmou como um dos grandes pensadores do século XX

Interessei-me a sério por Albert Camus com “O Estrangeiro”, o primeiro livro que li dele, num momento específico (se ainda não leram a obra e querem ler, aconselho que passem à frente porque a frase denuncia parte do texto que só se conhece a meio do livro),  “No dia em que me prenderam, fecgaram-me primeiro num quarto onde já havia muitos detidos, a maioria deles árabes. Ao verem-me começaram a rir. Depois perguntaram-me o que é que eu tinha feito. Disse que tinha morto um árabe e eles calaram-se todos.” E, a partir deste momento pensei que tinha mesmo de ler o máximo que conseguisse do autor – apesar de achar que preciso de reler O Mito de Sísifo 10 vezes até conseguir apreender metade 😉

. Deixo aqui enumeradas todas as suas obras que foram traduzidas para português.

 

O Estrangeiro”  ✅  ⭐⭐⭐⭐⭐

O Mito de Sísifo”  ✅  ⭐⭐⭐⭐

“Calígula”

A Peste” ✅  ⭐⭐⭐⭐⭐

“Estado de Sítio” ✅  ⭐⭐⭐⭐

O Homem Revoltado

A Queda

“Os Possessos”

O Primeiro Homem

O Avesso e o Direito

O Exílio e o Reino

A Morte Feliz

“Cartas a Um Amigo Alemão”

 

E não se esqueçam de comprar em livrarias independentes! Podem consultar o website da RELI – Rede de Livrarias Independentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.