2021

livros que li em 2021

  • 2021,  Lusófonos,  Opinião

    “A Balda do Medo” de Norberto Morais

    Em “A Balada do Medo”  de Norberto Morais, somos transportados para um lugar que sabemos não existir mas cujas características reconhecemos como sendo reais. Entendemos tudo sobre o seu espaço e sobre o seu tempo, não porque estejam descritos, mas pela linguagem utilizada que, recuperando termos antigos e dizeres populares (à letra ou adaptados) nos remetem para uma ruralidade onde o frenesim do século XX ainda pouco se adivinhava. Lutando por uma vida sem medo, mas vivendo o medo pela vida, acompanhamos a jornada de Cornélio, um caixeiro-viajante através, não só do seu país, mas também das memórias que evoca na hora de deitar contas ao destino. Ao longo dessas…

  • 2021,  Opinião

    “Circe” e “O Canto de Aquiles” de Madeline Miller

    Madeline Miller lida com o que é clássico desde os seus estudos universitários, tendo sido professora de Latim, Grego e até de Shakespeare. Para quem leu “O Canto de Aquiles” ou “Circe” este caminho profissional é muito fácil de prever, tendo em conta que ambos recontam histórias da mitologia grega. “O Canto de Aquiles”, escrito em 2012 conta-nos a história de Aquiles, filho da Deusa Tétis e do mortal Peleu, o mais forte dos mais fortes, destinado a grandes feitos bélicos. Acompanhamos a sua juventude na ilha onde o seu pai é rei e recebe filhos expatriados pelos seus pais, bem como o seu treino com o centauro Quíron e,…