• Agora Cronico Eu

    Relações conceptuais – do romance púbere à arte contemporânea

    CRÓNICA EXCLUSIVA:   Felizmente não tenho adolescentes à minha volta. Infelizmente estou naquela idade em que os meus amigos já carregam consigo espécimes desta natureza.   Ao ser forçada a socializar com eles fui aprendendo algum do seu swag (tenho a certeza de que este termo não se aplica aqui mas quis ser cool e tornar esta crónica mais age friendly). Num desses encontros apercebi-me de como gerem as suas relações amorosas: já não namoram, não “andam”, nem tampouco caminham – agora continuam a fazer o que todas as gerações atrás de si fizeram com a diferença de que “não têm nada” embora sejam exclusivos. Isto faz-me lembrar as considerações…

  • Agora Cronico Eu

    Crónica Fria

    Em 1985, ainda em clima de Guerra Fria, o músico Sting lança “Russians”, cujo compasso é marcado pela frase “I hope the Russians love their children too.” e foi este apelo à ternura dos Russos que a tornou icónica.   Sting faz vários apelos a ambos os lados “of the political fence”. Se por um lado Nikita Kruschev ameaça destruir o sistema capitalista americano através do poder comunista soviético, por outro lado Ronald Reagan garante que vai ganhar a guerra. Mas músico quer relembrar algo bastante importante: “there’s no winnable war”, em seio de guerra não há vencedores, o que fica são rastos de perdas e de destruição, “It’s a…

  • Agora Cronico Eu

    A Noite das Facas Longas

      “_ Ou vocês passam o Orçamento de Estado ou vão todos para casa e começamos tudo de novo.” Marcelo Rebelo de Sousa, 13 de Outubro de 2021     Curioso como a história dá voltas… Em 1945 a Bomba Atómica ditou o final da Segunda Guerra Mundial e, com ele, o início da dissolução do poder de extrema-direita na Europa. Em 2022, uma outra Bomba Atómica, dissolve um governo e abre terreno à extrema-direita em Portugal.   Durante 6 anos, Portugal foi um dos poucos países com um governo de esquerda que não extrema! Mas como nunca estiveram habituados a governar não conseguiram lidar muito bem com o poder…